POR QUE NOTÍCIAS RUINS VENDEM MAIS?

Tempo de leitura: 3 minutos

Pensar sobre o mundo atual nos leva a baixar o astral e fazer uma projeção nefasta para o futuro. É perfeitamente normal sentir-se assim já que você é bombardeado diariamente, por várias vezes com escândalos, guerras irracionais, exploração do homem pelo homem, crimes contra a natureza e desastres.    Bom é o jornalista que faz a cobertura da desgraça porque tragédia dá dinheiro e notoriedade. Mostrar gente se abraçando, não vende.

preocupação

O  cérebro reptiliano que ainda existe no ser humano,  se alimenta do medo.  Este cérebro é o remanescente da nossa natureza selvagem controlado pelos instintos básicos com funções primárias de atacar ou fugir. Defender o nosso território é resquício do complexo reptiliano.    No entanto tal característica tem uma função útil porque nos faz ficar atentos para o perigo, caso contrário seríamos indefesos.  O cérebro reptiliano é aquele que leva a mente a prestar mais atenção a cobra do que a flor do jardim e salva a nossa vida.

Apesar do foco no perigo, as  pesquisas mostram que o mundo tem evoluído em todos os sentidos.   É claro que temos que fazer o dever de casa para conseguir recuperar o equilíbrio do planeta, mas hoje temos energia limpa com preços acessíveis, expansão de alimentos orgânicos, existem movimentos contra o consumo exagero, cada vez mais pessoas estão abandonando os carros e se utilizando de bicicletas e transportes coletivos, muitas pessoas estão contribuindo com programas sociais.

mundo melhor

As igrejas possuem cada vez mais adeptos e se vendem muitos livros sobre espiritualidade. As práticas como meditação, yoga e temas afins estão cada vez mais comuns e há um despertar da consciência.   Vimos alemães abrindo suas fronteiras para os Sírios, cena inimaginável há 30 anos atrás.  Tem uma porção de coisas boas acontecendo no mundo neste momento, mesmo que a mídia não dê atenção, a generosidade existe.   No final o bem vencerá pois este é o sentido de toda criação.

A medida que a consciência toma o seu lugar, o lado instintivo vai enfraquecendo e o medo exagerado vai perdendo o efeito.  A consciência desperta não se deixa manipular e atemorizar.   Um homem desperto não se perturba e nem se apavora com as reportagens sensacionalistas porque sabe que a bondade é o natural da raça humana.

pessoa decidida

Cuidado com os profissionais especialistas em vendas que usam as técnicas de persuasão  para prender sua atenção.  Primeiro instalam o medo e depois oferecem uma solução.

 O mundo não é o que você lê. O que você lê é a leitura que o jornalista faz de como você deve enxergar o mundo.  Mas você pode fazer uma leitura diferente.   Leia com massa crítica e exercite as diversas maneiras de entender um fato.  Liberte-se dessa tendência nefasta de estar focando naquilo que é ameaçador.  Encare a ameaça e raciocine como transcendê-la para chegar ao melhor do ser humano.  Crie o hábito mental de ver a luz crescente na escuridão e caminhe ao encontro do seu SER onde as possibilidades são infinitas.

Se você gostou desse artigo, comente e recomende aos seus amigos.

Magui Guimarães

Sobre Magui Guimarães

Magui Guimarães é Master Trainer em PNL & Coaching, Consultora em Gestão de Pessoas, atua em Educação Corporativa e Coaching para executivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>